Blog da Editora Dialética

Orcid é importante para o que?

O ORCID é essencial para possibilitar ao usuário a conexão de suas realizações profissionais, afiliações, bolsas, publicações e revisões com outros sistemas do mundo, como o Currículo Lattes e instituições de ensino superior, por exemplo. 

ORCID, do inglês Open Researcher and Contributor ID e traduzido como ID Aberto de Pesquisador, é um código alfanumérico que identifica pesquisadores e contribuintes de pesquisas acadêmicas. A plataforma evita ambiguidade com pessoas de nomes idênticos ou muito semelhantes, pois substitui os nomes por uma variação numérica, o que facilita a gestão das publicações e resultados de buscas acadêmicas de cada indivíduo. 

O ORCID é essencial para possibilitar ao usuário a conexão de suas realizações profissionais, afiliações, bolsas, publicações e revisões com outros sistemas do mundo, como o Currículo Lattes e instituições de ensino superior, por exemplo. 

  • Garante o reconhecimento de todas as suas contribuições; 
  • Proporciona visibilidade internacional;
  • Facilita a identificação individual de cada usuário.

ORCID é parte integrante da infraestrutura digital mais ampla necessária para que os pesquisadores compartilhem informações em uma escala global. Colocamos o pesquisador no centro de tudo o que fazemos.

ORCID

Essa plataforma foi desenvolvida em 2010 por organizações dos EUA com foco em pesquisas. Entre elas, universidades, laboratórios, empresas e editorias científicas. O sistema é gratuito e sem fins lucrativos. 

O registro no ORCID é realizado pelo site http://www.usp.br/orcid. E os principais elementos pedidos após o cadastro na plataforma são: 

  • Biografia;
  • Emprego;
  • Educação;
  • Financiamento;
  • Trabalhos.

Nesse sentido, esse sistema é direcionado tanto para pesquisadores e acadêmicas quanto para instituições com foco na pesquisa científica. Inclusive, algumas organizações já exigem que seus autores obtenham um ID ORCID. 

Os usuários do ORCID podem compartilhar informação e conteúdos em escala global. Portanto, ter livros acadêmicos publicados e postá-los no perfil da plataforma fazem com que seu nome e sua obra fiquem conhecidos mundialmente. Além disso, sua linha de pesquisa, caso seus livros sejam acadêmicos, ganha mais notoriedade, relevância e credibilidade, o que proporciona um networking com ainda mais pessoas ao redor do mundo. 

Fique sempre por dentro do mundo acadêmico. Acompanhe a Editora Dialética.

Gostou? Compartilhe com mais pessoas!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Inscreva-se em nosso blog.

Acesse, em primeira mão, nossos principais posts diretamente em seu e-mail.

POSTS MAIS RECENTES

Livro “Razoabilidade e a Proporcionalidade como Garantias Constitucionais na Dosimetria da Penalidade Disciplinar”, de Adir Claudio Campos, é uma produção que, entre outras coisas, busca promover uma reflexão sobre esse tema ainda pouco compreendido e considerado pela administração pública e o judiciário

Adir Claudio Campos possui vasta experiência em direito administrativo, tendo atuado como assessor jurídico na Câmara Municipal de São Paulo e na Câmara Municipal de Uberlândia, além de ter exercido o cargo de Subprocurador-geral e Procurador-geral do Município de Uberlândia.

Leia mais »

Romance, ficção, política e outros temas estão presentes no livro “Sem Trégua: um legado de ensinamentos de como sobreviver à pobreza e à vida profissional no meio político”, da escritora Aracilba Alves da Rocha. Livro publicado pela Editora Dialética será lançado em 8 de julho em João Pessoa

Aracilba Alves da Rocha é uma profissional que vive atualmente em João Pessoa, na Paraíba e possui 40 anos de experiência em administração de empresas públicas. A escritora é Graduada em Engenharia Civil, Especialista em Gerenciamento de Empresas Públicas, Planejamento Urbano, Gestão de Habitação Popular e Finanças Públicas. Além disso, possui vasta experiência em Gerenciamento Executivo, que abrange empresas do Setor Elétrico, Telefonia, Saneamento e Transporte, Finanças Públicas, Administração e Planejamento.

Leia mais »

Escritor, Fernando Couto de Magalhães, publica a obra “Instituto Hawkins e as anomalias do tempo”, ficção científica que conta a história de um paleoantropólogo brasileiro que viaja por diversas partes do mundo em prol de descobertas pré-históricas 

Fernando Couto de Magalhães possui formação em Comunicação Social, é Pós-Graduado em Ciências Humanas – História, Filosofia e Sociologia e possui cursos de extensão em universidades como Harvard e Universidade de Columbia nos campos da História da Globalização, Arqueologia e Museologia. Para o escritor, ser lançado no Brasil como autor de ficção científica é uma realização “incrível”.

Leia mais »

Educadora e Pesquisadora Regina Célia Fernandes da Costa Perpétuo lança livro ”A alfabetização de crianças com diagnóstico de deficiência intelectual: o direito à diferença”, obra que, dentre muitos aspectos, busca chamar a atenção da sociedade para esta realidade.

Regina Célia Perpétuo é Mestra em Educação pela Universidade Nove de Julho – UNINOVE, Pós-graduada (lato sensu) em Gestão pela Universidade Anhembi Morumbi, em Docência do Ensino Superior e em Psicopedagogia pela Faculdade Campos Elíseos, Graduada em Pedagogia pela Universidade Guarulhos – UNG e em Letras pela Universidade Brás Cubas – UBC.

Leia mais »

Quer receber mais conteúdos excelentes como esses de graça?

Inscreva-se para receber nossos conteúdos por email.

Avenida Brigadeiro Faria Lima, 4.221 – 1º andar, Itaim Bibi, São Paulo – SP, 04538-133 // Telefone: (11) 4118-6308